Principal > Notícia > Defensoria Pública lança Sistema de Recursos Humanos

Defensoria Pública lança Sistema de Recursos Humanos

13 de junho de 2017

recursos humanos - intranet

A partir de agora, os defensores públicos vão poder acessar online as suas informações institucionais, por meio do Sistema de Recursos Humanos, na intranet da instituição. A novidade vai assegurar comodidade e rapidez para quem precisa solicitar férias e licença, ressalvar períodos, acessar histórico, designações, portarias e documentos, além de consultar o contracheque.

Antes, para sair de férias, por exemplo, o defensor público precisava consultar o período aquisitivo, em seguida ir até a sede da Instituição para protocolar o seu pedido e depois ficar ligando para obter um retorno. Caso quisesse ressalvar alguns dias, precisava abrir um novo requerimento. Agora, com o Sistema de Recursos Humanos, disponível por meio da Intranet institucional, é possível consultar e solicitar as férias, acompanhar o status do pedido e ressalvar o período que não vai ser usufruído, de casa, do trabalho ou até mesmo do celular.

“Nosso objetivo maior é facilitar a vida do defensor público, sobretudo, dos que atuam no interior do Estado, desburocratizando alguns fluxos e fornecendo as informações de maneira rápida. A criação desse Sistema de Recursos Humanos representa também um avanço importante na efetivação da organização, profissionalização e autonomia funcional da instituição, dispondo de todas as informações sobre os defensores públicos em um mesmo lugar e de forma digitalizada”, ressalta a defensora pública geral, Mariana Lobo.

O Sistema de Recursos Humanos traz ainda outras facilidades. Quando precisar solicitar uma licença, ao invés de ter que vir à sede da Defensoria Pública, o defensor público pode fazer o pedido e anexar os documentos comprobatórios pela Intranet.

“Outro aspecto importante é que todos podem e devem nos ajudar a aperfeiçoar o Sistema, sugerindo melhorias, corrigindo alguma inconsistência nas informações do seu histórico e das designações, junto ao CDC e CDI. Para que a ferramenta esteja ainda mais completa e atualizada. Nós também estamos à disposição para ajudar no acesso à intranet, daqueles que ainda não fizeram o login”, pontua a defensora pública Sâmia Farias, assessora de desenvolvimento institucional da Defensoria.